Júlia, ex-paciente do Hospital do GRAACC

“Oi, meu nome é Julia Beatriz, tenho 21 anos e dia 02 de setembro deste ano fará 18 anos que passei pela cirurgia de maior risco da minha vida. Tinha 2% de chance de sobrevivência. Quando os médicos viram meu coração e tudo mais funcionando conforme deveria, depois das longas 8 horas na mesa daquela sala, eles fizeram festa no bloco cirúrgico. O motivo da cirurgia: um Tumor de Wilms. Câncer no rim com metástase no pulmão. Eu tinha só dois anos e hoje estou curada por causa do Hospital do GRAACC!

Na minha cidade, os recursos eram precários e disseram para a minha mãe que eu teria exatos 90 dias de vida. Com essa notícia, minha família conseguiu contatos que nos indicaram o GRAACC. Ali, tudo foi diferente. Médicos que sabiam ser médicos, que não só se preocuparam comigo, mas também com o bem estar dos meus familiares, que estavam extremamente abalados. Além da cirurgia, fiz quimioterapias, radioterapia, transfusões de sangue e plaquetas no GRAACC. Foi no GRAACC que eu “renasci”. Longos dias de luta, crença e vontade para que tudo desse certo. E deu! Me orgulho de cada cicatriz que tenho, cada marca de vida, cada pedra que lutei para vencer. E quero reforçar que o câncer tem sim uma cura. Obrigada GRAACC por tudo.”

Julia #vocefazograacc

 


Compartilhe:

Lei Geral de Proteção de Dados

Saiba o que o GRAACC já está fazendo em relação à LGPD

Humanização

Os pacientes do GRAACC seguem para a Radioterapia e o Centro Cirúrgico de carrinho. A...

Doação de Sangue

DOAÇÃO DE SANGUE Os bancos de sangue da cidade de São Paulo já sentem os...